Editor-Chefe: Jota Marcelo

Uruaçu, Estado de Goiás, 17 de julho 2019

SABOR DA LEITURA

DR. MARIANO PERES

Falando de natureza

Falar do meio ambiente

Das belezas de outrora

Ou dos desastres de agora

Como aquele de Mariana

Que pede ação urgente

Do estado brasileiro

Que deve ser o primeiro

Desta grande caravana

 

É o homem que destrói

A vida aqui na terra

E promove feroz a guerra

Contra a mãe natureza.

Em busca de lucro fácil

Ele destrói toda flora

Pensando só no agora

E na sua própria riqueza

 

Destruindo a floresta

Desmatando o cerrado

Sentindo-se endeusado

Por sua conta bancária.

Agravando esses fatos

Implanta a monocultura

Assume essa criatura

Atitude temerária

 

Falta visão de porvir

Ao estado brasileiro

Que por conta de dinheiro

Submete nosso futuro

A desastres ambientais

A secas e tempestades

Flagelo e temeridades

E o amanhã de escuro

 

Mariana e outros mais

Vejo isso contrafeito

As barragens de rejeito

E empresas estrangeiras

Levando nossos metais

Deixando como consolo

A degradação do solo

E veneno nas barreiras

 

Maior rio brasileiro

Nosso amado São Francisco

Está correndo o risco

De transformar-se em areia

Esperança do Nordeste

Contra a seca insistente

Que destrói o ambiente

De forma cruel e feia

 

Barragem de Sobradinho

Transformou sertão em mar

Que jamais iria secar

Era esta a convicção

Mas a chuva foi embora

O mar foi se encolhendo

Os peixes foram morrendo

E o mar virou sertão

 

Com milhares de dolinas

Um município de Minas

Está mesmo se afundando

Vazante e seus vizinhos

Do zinco sendo caminhos

Em buracos se acabando

 

Se os lagos já secaram

“Catirina” vai atrás

Poço Verde da esperança

Não veremos nunca mais

 

Poço Verde da esperança

Cantado pelo Goiá

Na obra “Recordação”

Que nunca se esquecerá

 

Desastre de Mariana

Abalou Minas Gerais

Poderia ser exemplo

Para repetir jamais

 

[08/10/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!!