CULTURA & EDUCAÇÃO

DIVERSOS

‘Vislumbres’ – Sônia Maria Santos

Um átimo de tempo

para tirar das pálpebras

todos os sonhos;

silêncios, vislumbres

doces alentos;

a infância

a rosa nos dedos, dilacerada.

Ainda a paciência, ciência

em carne crua,

matéria da alma.

 

Sônia Maria Santos (1945) é natural de Anápolis-GO. Poema constante no livro Matéria da alma, editora Kelps (Goiânia) (2011). Em www.soniamariasantos.com, é possível saber muito mais sobre ela, integrante da União Brasileira de Escritores (UBE) – Seção Goiás e, que figura na Antologia Goiás Meio Século de Poesia, de Gabriel Nascente; em Feitio de Goiás (Stella Leonardos); no Dicionário do Escritor Goiano (José Mendonça Teles); no livro A Consciência da Palavra (Ensaios) (José Luiz Bittencourt); na Antologia Poética 2005-UBE-Goiás (UBE-Goiás); e, em outras obras

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!!