Editor-Chefe: Jota Marcelo

Uruaçu, Estado de Goiás, 20 de março 2019

CULTURA & EDUCAÇÃO

DIVERSOS

Protásio Carlos Rabelo, o poeta do campo [mais vídeo, com ‘Poema das Mães’

Casal Maria Fernandes Rabelo/Protásio Carlos Rabelo e o filho-médico veterinário Cidervane Rabelo da Páscoa. Assista (link no final da reportagem), também, o vídeo com o poema – Foto: Márcia Cristina/JORNAL CIDADE

 

Nascido em Corumbaíba, cidade do Sul goiano, com a família ele mudou para Uruaçu ainda criança, quando o pai Saturnino Carlos Rabelo comprou uma propriedade rural na região do hoje Povoado do Funil. Corria a década de 1940.

Lidando com os ramos da agricultura e pecuária, sempre trabalhou muito na fazenda. Em se tratando de contatos externos, acompanhou in loco a construção da rodovia BR-153. Sabe, leitor, onde o famoso construtor Bernardo Sayão tinha como um de seus pontos de apoio? A casa do pai Saturnino. “Bem como, os viajantes e os tropeiros da época. Eles tinham a referência da fazenda de meu avô, na região”, comenta o médico veterinário Cidervane Rabelo da Páscoa (doutor Cidervane), superintendente municipal de Agricultura e Pecuária uruaçuense.

Seu Protásio é casado com Dona Maria Fernandes Rabelo e eles têm também a filha Lucimar Fernandes Rabelo, veterinária.

 

Visionário

Com a divisão da propriedade entre os filhos, somente Protásio manteve imóvel rural. Foi um dos primeiros produtores rurais do Município de Uruaçu a adquirir tratores para mecanizar a produção da cultura do arroz, cultura usada para abrir os cerrados, nos idos dos anos 1950. Igualmente, foi um dos primeiros a plantar capim brachiaria na região.

“O meu pai tem um grande conhecimento no ramo da fruticultura. Colocou na fazenda, o nome Frutal. Sabe fazer enxerto de plantas com primazia. Ele dedicou parte da vida a exploração da pecuária leiteira. Possui uma sabedoria, um conhecimento e uma espiritualidade como poucos”, comentou ao JORNAL CIDADE, o filho, que tem enorme consideração ao homem mais que ídolo para ele.

Literalmente um homem do campo dedicado, empreendedor de destaque e que também é poeta, adorando soltar a voz em nome da cultura. Neste simples vídeo (feito por Jota Marcelo), de fevereiro/2019, ele proclama a obra Poema das Mães. Assista aqui.

 

(Márcia Cristina)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!!