CULTURA & EDUCAÇÃO

DIVERSOS

“‘Para sempre’, de Drummond” – Juíza Coraci Pereira da Silva

Por que Deus permite

Que as mães vão-se embora?

Mãe não tem limite

É tempo sem hora

Luz que não apaga

Quando sopra o vento

E chuva desaba

 

Veludo escondido

Na pele enrugada

Água pura, ar puro

Puro pensamento

Morrer acontece

Com o que é breve e passa

Sem deixar vestígio

 

Mãe, na sua graça

É eternidade

Por que Deus se lembra

Mistério profundo

De tirá-la um dia?

 

Fosse eu rei do mundo

Baixava uma lei

Mãe não morre nunca

Mãe ficará sempre

Junto de seu filho

E ele, velho embora

Será pequenino

Feito grão de milho

 

 

Coraci Pereira da Silva, juíza com atuação em Rio Verde-GO, abre novo destaque para Carlos Drummond de Andrade, que já teve trabalho publicado aqui. Motivo? A reportagem do jornal O Popular (Goiânia-GO), edição com circulação na primeira semana de maio de 2021, esclarece. Uma joia cultural… Leia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!!