CULTURA & EDUCAÇÃO

DIVERSOS

‘Minha vez de sorrir’ – Nelson Sargento

Se eu voltar aos teus braços

vou repetir meus fracassos

tudo aquilo que passou

Eu sinto-me tão alegre

é justo que eu não me entregue aos teus caprichos, amor.

 

Muito consultei meu coração

e cheguei a conclusão: você pra mim morreu!

Minha vez de sorrir chegou agora

quem perde é quem chora

e você perdeu

Perdeu!

 

Nelson Sargento (1924-2021), sambista, compositor, cantor, pesquisador da MPB, artista plástico, ator, escritor, presidente de honra da escola de samba Mangueira. Música integrante do disco Sonho de Sambista (1979); e, regravada por terceiros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!!