CULTURA & EDUCAÇÃO

DIVERSOS

‘Dia de domingo’ – Professor Edson Arantes Junior

Preso no tanque

Um frango gordo

Espera aflito

 

A velha pega

Mãos ágeis

Firma pés, cabeça

 

No fim do pescoço

Atraca o polegar

Rodopia as penas

Até estalar

 

Água fervente

Não pode esperar

Escalda bem

Pra limpar

 

Rapidamente ele está branco

No fogo ele sapeca

Daqui, dali

-Tem de queimar bem,

Pra não ficar cheiro

 

Leva pra pia

Lava com bucha e sabão

Seca com esmero

Começa a cortar

 

-Presta atenção, quem

Sabe abrir um frango

Termina com vinte e um pedaços

 

-Já cortou? O velho perguntava

Uma velha frigideira

Pouco óleo

O figo no fogo

 

Só um pouco

Pra tirar gosto

Uma dose de cachaça

Um pedaço pro menino

 

Tinha angu e quiabo

O frango é novo

Cuidado

 

De novo o velho

Dividia a moela

Com o menino

 

O menino não inzonava pra comer

A velha contava um causo

Era tanta

Vida

 

Professor Edson Arantes Junior é mestre e doutor em História pela Universidade Federal de Goiás (UFG). Professor de História Antiga e Medieval da Universidade Estadual de Goiás (UEG) – Câmpus Norte (onde foi diretor) e é conselheiro do Conselho Estadual de Educação de Goiás (CEE)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!!