‘Será a planta mais estruturada da América Latina’, diz Caiado sobre Centro de Excelência em Tecnologia Ferroviária

Durante audiência, na terça 22, com o ministro da Infraestrutura, em Brasília, governador confirma que Memorando de Entendimento para formalização do complexo será assinado dia 15 de julho. Ronaldo Caiado recebeu confirmação de lançamento da pedra fundamental da Ferrovia de Integração Centro-Oeste, em Mara Rosa, para agosto e, avança nas tratativas para garantir terreno onde será construído Hospital do Câncer de Goiás, na capital Goiânia.

 

Ronaldo Caiado (meio) anuncia instalação, em Anápolis, do Centro de Excelência em Tecnologia Ferroviária, durante audiência com ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, em Brasília: “Algo semelhante só existe nos Estados Unidos e vai atender toda demanda por vagões, locomotivas, trilhos, dormentes” – Foto: Júnior Guimarães/Governo de Goiás

 

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (Democratas), esteve em Brasília, dia 22 de junho, onde se reuniu com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, para discutir os próximos passos para a criação do Centro de Excelência em Tecnologia Ferroviária. O Memorando de Entendimento (MoU) para a implantação será assinado no dia 15 de julho durante evento em Anápolis, Município que sediará a unidade. “Será a planta mais estruturada da América Latina. Algo semelhante só existe nos Estados Unidos”, destacou.

Com foco na tecnologia e inovação, o complexo funcionará no Centro de Convenções de Anápolis e deve contar com recursos das concessionárias de ferrovias no Brasil, depositados em um fundo da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). A verba será aplicada na implantação e manutenção da estrutura, que poderá atender todas as concessionárias do Brasil, como a Rumo e a Vale do Rio Doce.

Caiado destacou que o espaço oferecerá o progresso do setor e a formação de profissionais especializados a partir de parcerias futuras, inclusive junto a unidades de ensino superior e pesquisas. “A Universidade Estadual de Goiás [UEG], e outras instituições, poderão expandir o apoio com a construção de laboratórios para desenvolver técnicas sofisticadas. Vai atender toda demanda de vagões, locomotivas, trilhos, dormentes”, informa.

Na mesma audiência, Caiado recebeu a confirmação da data para instalação da pedra fundamental da Ferrovia de Integração Centro-Oeste (Fico), em Mara Rosa-GO. Será na primeira quinzena de agosto, com expectativa de participação do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido). “É uma notícia extremamente importante, algo que já estamos esperando e agora se tornou realidade”, disse o governador.

A obra deve começar a partir da construção de um trecho de 30 quilômetros. “No total, serão 383 quilômetros de linha férrea, que chegará até Água Boa-MT. Vai atravessar todo o Norte goiano e também o Vale do Araguaia”, detalhou Caiado. A nova estrutura será construída perto de onde passa a Norte-Sul e a rodovia BR-153. “Agora aquela região terá uma logística capaz de atender a demanda de agricultores e industriais que queiram se instalar por ali”, projetou.

 

Hospital do Câncer

Ainda em Brasília, o governador esteve na Secretaria de Coordenação e Governança do Patrimônio da União (SPU), vinculada ao Ministério da Economia, para tratar sobre a concessão do terreno onde será construído o Hospital do Câncer de Goiás, em Goiânia.

A área, que pertencia à Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), chegou a ser doada ao Estado. No momento da transferência, houve um impasse de ordem burocrática e as tratativas agora ocorrem junto à SPU. “Falamos com o secretário, coronel Mauro Filho, que se colocou à inteira disposição para resolver o mais rápido possível”, assegurou.

A unidade de saúde terá espaços para internação, ambulatório, recuperação, quimioterapia, radioterapia, cirurgia, parte robótica, leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI), e também áreas para abrigar familiares dos pacientes que estiverem em tratamento e que residam em outros Municípios. “Vai beneficiar todo o Estado e outros também, que vão recorrer ao nosso hospital”, salientou.

“Queremos começar pela ala do tratamento oncológico de crianças. Depois, de adultos. A planta já está pronta, o terreno totalmente avaliado, a topografia feita. Concluída a parte documental, iniciaremos as obras”, projetou Caiado.

Acompanharam o governador na agenda, em Brasília, o secretário-geral da Governadoria, Adriano da Rocha Lima, o prefeito de Anápolis, Roberto Naves e, o diretor de planejamento da Agência Goiana de Transportes e Obras (Goinfra), engenheiro Riumar dos Santos.

 

(Informações: Secretaria de Comunicação – Governo de Goiás)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!!