Lissauer decreta luto oficial de três dias na Alego devido ao falecimento do deputado Iso Moreira

Parlamentar Iso Moreira, liderança do Nordeste goiano, morreu na sexta-feira 4 de novembro no Rio de Janeiro, após cerca de nove meses internado para tratar sequelas da Covid-19.

Lissauer (esq.), com Isso: “Sem dúvidas, um nome que ficará na memória do Poder Legislativo de Goiás. Aos familiares e amigos, os nossos sinceros sentimentos”  – Fotos, inclusive da home: Comunicação/Alego

 

O presidente da Assembleia Legislativa de Goiás, Lissauer Vieira (PSD), decretou luto oficial de três dias no Parlamento goiano em virtude do falecimento do deputado estadual licenciado Iso Moreira (União Brasil), ocorrido neste 4 de novembro de 2022. O parlamentar faleceu no Rio de Janeiro-RJ, onde estava internado para tratamento de saúde.

Iso testou positivo para Covid-19 no dia 25 de janeiro último e, desde então, permaneceu internado. Inicialmente foi hospitalizado na capital federal Brasília, sendo transferido para a capital Fluminense em março. O deputado foi licenciado do cargo em maio.

Lissauer disse que recebeu a notícia com pesar e reforçou a grandeza do legado de Iso. “Estamos todos consternados e tristes com essa grande perda para o Parlamento goiano e para todo o nosso Estado. Ele que sempre foi um deputado atuante, pautado pela ética, seriedade e compromisso público. Sem dúvidas, um nome que ficará na memória do Poder Legislativo de Goiás. Aos familiares e amigos, os nossos sinceros sentimentos”, disse.

Ildete Gomes, esposa de Iso Moreira, já havia afirmado à Agência Assembleia de Notícias que o esposo tomou as três doses da vacina contra a Covid-19, sendo que a terceira dose foi tomada quatro meses antes do teste positivo. Disse também que o marido não possuia nenhuma comorbidade, como colesterol alto, diabetes, pressão alta, doença autoimune, problema respiratório ou pulmonar.

 

Histórico

Aloísio Moreira dos Santos nasceu em Mambaí, Município do Nordeste goiano, em 21 de junho de 1947. Filho de Rivaldo Moreira dos Santos e Edelzuite Moreira dos Santos, era casado com a prefeita de Simolândia, Ildete Gomes Ferreira (UB), e pai de Alessandro Moreira (deputado estadual eleito para a 20ª Legislatura da Casa de Leis), Suzana Moreira dos Santos, Cláudia Cristina Santos, Aloísio Moreira dos Santos Junior e Marcus Vinícius Moreira dos Santos, Iso Moreira se consolidou, ao longo dos anos, como um dos maiores nomes no cenário político de Goiás.

O Leão do Nordeste, como era conhecido, iniciou sua trajetória como prefeito em Simolândia, na gestão entre os anos de 1993 e 1996. Durante o seu mandato, reestruturou e organizou todo Município com obras em diversos setores: Saúde, Educação, habitação e infraestrutura. Com um trabalho ousado, unindo foco e determinação, construiu os pilares de sustentação da cidade em apenas quatro anos de gestão. Sua Administração arrojada e empreendedora representou um divisor de águas na história de Simolândia, que obteve grande salto qualitativo durante o período em que esteve à frente do Executivo municipal. Agropecuarista e empresário no ramo de combustíveis, Iso Moreira também ficou conhecido por seu empreendedorismo.

Candidato a deputado estadual pela primeira vez em 1998, Iso obteve 14.680 votos e ficou na suplência, assumindo o mandato, posteriormente, em 2001. Em 2002, foi eleito com 19.470 votos. Em 2006, consagrou-se nas urnas para o seu terceiro mandato com 29.799 votos. Em 2010, Iso foi reeleito, com 25.566 votos. No ano de 2014, Iso Moreira tem expressiva votação de 37.340 votos e assumiu o seu quinto mandato na Assembleia. Em 2018, com 24.963 votos, conquistou o seu sexto mandato na Alego, onde também tomou posse na mesa diretora, sendo reconduzido para a 4ª Secretaria, um grande marco em história como parlamentar.

Em sua trajetória política, Iso Moreira realizou suas maiores obras no Nordeste goiano, e teve atuação destacada em outros Municípios. Sua parceria com prefeitos e lideranças políticas foi traduzida em grande êxito por todos as regiões goianas, onde deixa o seu legado de trabalho.

 

(Informações, sob adaptações: Comunicação)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!!