Governo de Goiás encaminha à Assembleia projeto que destina R$120 mil ao Museu Casa de Cora Coralina

Ajuda à instituição durante a pandemia foi anunciada pelo governador Ronaldo Caiado (Democratas) durante solenidade que encerrou ano cultural dedicado à poetisa. Museu Casa Cora Coralina está de portas fechadas desde o mês de março.

 

Museu Casa Cora Coralina está de portas fechadas desde março – Fotos, inclusive a da página principal: Lucas Diener/Divulgação

 

O Governo de Goiás encaminhou à Assembleia Legislativa (Alego) o projeto de lei número 3897/2020, que destina R$120 mil ao Museu Casa de Cora Coralina por meio da Secretaria de Estado da Cultura (Secult Goiás). A medida foi anunciada por Caiado no último dia 20, quando da solenidade de encerramento do ano cultural dedicado à poetisa.

De portas fechadas desde o início da pandemia, o Museu enfrenta dificuldades para arcar com a manutenção do acervo, pagar funcionários e adquirir os equipamentos de segurança previstos pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para quando retomar suas atividades.

Consta no documento que a subvenção social de R$120 mil se faz necessária por se tratar de entidade de notoriedade para o Estado e o País, ‘sem fins lucrativos e sem recursos públicos para sua manutenção’. De acordo com o texto, há viabilidade jurídica e orçamentária respaldadas pela Procuradoria-Geral do Estado e pela Superintendência de Orçamento e Despesa.

Para a diretora do Museu, Marlene Velasco, a instituição é um dos maiores símbolos da cidade de Goiás e vê-lo de portas fechadas há mais de 150 dias é motivo de tristeza para a comunidade. “Mas com a força e solidariedade dos goianos e brasileiros conseguiremos em breve reabri-lo. Aos parceiros, admiradores da poetisa e em especial ao Governo do Estado de Goiás, a nossa eterna gratidão”.

O secretário de Estado da Cultura, Adriano Baldy, também reforça a importância de que seja prestado apoio ao Museu neste momento, por se tratar da história e acervo de “uma grande expoente da literatura feminina goiana”.

 

(Informações: Secult Goiás – Governo de Goiás)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!!