Geração de empregos tem saldo positivo em Uruaçu

Quanto mais novos postos de trabalho gerados, melhor a situação das famílias e do Município do Norte goiano, que neste 2020 chega aos 89 anos. Os dados são do Ministério da Economia (que abriga a Secretaria de Trabalho); e, da Juceg e da Fieg (representações de Goiás).

 

Divulgação. Foto da página principal: Márcia Cristina/JORNAL CIDADE (Arquivo)

 

Prefeito de Uruaçu, Valmir Pedro (PSDB) anuncia saldo positivo na geração de empregos na cidade do Norte goiano, entre 2017 e o início de 2020.

Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), do Ministério da Economia, através da Superintendência Regional do Trabalho em Goiás (SRTb-GO), representação máxima do mesmo Ministério no Estado.

O prefeito tem se desdobrado visando conseguir mais empreendimentos para Uruaçu, cidade que, igualmente outras do Brasil, apresenta número acentuado de desempregados. Quanto mais novos postos de trabalho gerados, melhor a situação das famílias e do Município.

Sobre os novos empreendimentos comerciais e industriais implantados em Uruaçu, também podem ser confirmados perante a Junta Comercial do Estado de Goiás (Juceg) e a Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg).

 

Números consolidados

“O cenário econômico evolui, a série histórica da geração de emprego comprova claramente este movimento, desse modo há motivos para se comemorar. O Ministério da Economia, por meio da Superintendência, contribui com políticas públicas para incentivar o trabalho formalizado, pois assim progrediremos”. Palavras recentes da superintendente substituta Sebastiana Oliveira Batista.

Com a extinção do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), a estrutura trabalhista se transformou em Secretaria de Trabalho e foi incorporada ao Ministério comandado pelo ministro Paulo Guedes.

 

(Jota Marcelo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!!