Em Uruaçu, vacinação contra a Covid-19 é sinônimo de sucesso

Prefeito de Uruaçu, Valmir Pedro (PSDB), sob assessoria de uma gama de auxiliares, concentra esforços para atender bem número máximo da população em busca da vacina contra a Covid-19. Qualidade do serviço e porcentagem de vacinados ganham destaque no Estado.

 

Publicação da Prefeitura de Uruaçu informando os 40% da população vacinada – Fotos/imagens (mais imagem da página principal): Secom/Prefeitura

 

Município uruaçuense ganhou destaque estadual no início de junho com a vacinação

 

Josimar Nogueira, secretário municipal de Saúde de Uruaçu (em foto do início de 2021, reunido com o promotor de Justiça, doutor Afonso Antonio, levando dados da vacinação): valorização ao trabalho em equipe e respeito aos usuários do serviço público – Foto: Rede social

 

Valmir Pedro (fotos acima/abaixo, na fila/se imunizando), prefeito de Uruaçu: atuação dedicada, sob vigilância

 

 

Presidente da Câmara Municipal de Uruaçu, Chiquinho: união na Casa de Leis para beneficiar a comunidade – Imagem (Reprodução): Comunicação (Câmara)

 

Saúde de Uruaçu: atualização do calendário de vacinação semanal

 

São Paulo: prefeito Valmir na sede do Instituto Butantan em dezembro, reunido com o diretor Dimas Tadeu Covas

 

Editores do JORNAL CIDADE, Márcia Cristina e Jota Marcelo, ao vacinarem em 10 de junho – Fotos: Jota Marcelo e Márcia Cristina

 

 

Entre as pautas importantes quando o assunto é Covid-19, a vacinação e o ato de vacinar jamais devem ser ignorados, diante de uma doença que intriga cientistas e a população mundial.

No mês de janeiro de 2021, o JORNAL CIDADE publicou reportagem contendo óticas do infectologista Evaldo de Araújo, que, em entrevista ao Jornal Gente, da rádio Bandeirantes (São Paulo-SP), afirmou: “…Todas as vacinas são seguras…”. “…Vamos precisar que todos se vacinem para que isso se perceba na redução da contagiosidade e nesse sentido vamos precisar que muita gente se vacine para que se reduza a circulação viral…”. Também: “…A vacinação deve começar o quanto antes, seja com a vacina do Instituto Butantan ou com a de Oxford e que, caso a opção seja pela Coronavac, é preciso trabalhar para que um número grande de pessoas seja imunizado…”. É o mesmo médico, do HC da Universidade de São Paulo, que externou: a nova cepa pode estar ligada ao crescimento espantoso de casos da Covid-19 no Amazonas, mas o fator determinante para que houvesse a disseminação do vírus foi o não cumprimento das medidas sanitárias.

O prefeito de Uruaçu, Valmir Pedro (PSDB) e, auxiliares não têm medido esforços no sentido de ofertarem o máximo de serviços em favor da comunidade em geral, na precaução cautelosa contra novo coronavírus.

 

Destaque estadual

O ministro da Saúde Marcelo Queiroga comentou dia 31 de maio, que o sucesso da vacinação contra a Covid-19 será fundamental para o retorno da economia no Brasil. Dia 15 de junho, ele cumpriu agenda em Goiânia.

É de conhecimento público a existência do avanço da vacinação em Uruaçu. Na cidade do Norte goiano, a vacinação por idade é realizada através do cronograma e drive-thru. Para integrantes de grupos, os agendamentos são feitos nas sedes dos Postos Estratégia Saúde da Família (ESF, os Postinhos de Saúde). Em todas as opções, o usuário precisa estar portando o cartão do SUS (Sistema Único de Saúde); documento de identidade com foto, CPF e comprovante de endereço.

É constante a divulgação do calendário de vacinação e a cada remessa das vacinas recebidas, uma porcentagem das doses tem como destinatários usuários de grupos prioritários e outra parte é destinada para a população em geral. No final de maio, Uruaçu, assim como outras localidades de Goiás, voltou com a vacinação por faixa etária. A aplicação de imunizantes foi retomada em pessoas com idade a partir de 59 anos. ‘Estamos trabalhando para que em breve, toda a população uruaçuense esteja vacinada’, atestou o prefeito em rede social.

Valmir Pedro publicou em rede, versando sobre o fato de, na virada de maio para junho, apenas três das maiores cidades goianas começarem vacinação por idade contra a Covid-19 (Aparecida de Goiânia, Itumbiara e Uruaçu):

Uruaçu tem sido exemplo para Goiás e para o Brasil no combate ao coronavírus e na vacinação da nossa população.

A imprensa goiana tem destacado para o Brasil a competência da nossa equipe.

Graças ao empenho de profissionais comprometidos com a excelência de seu trabalho e à responsabilidade da gestão pública municipal, Uruaçu está entre as três cidades do estado que começam hoje a vacinação por idade.

Vamos continuar firmes no combate à Covid-19 e em breve, todos os uruaçuenses estarão vacinados..

Josimar Nogueira Alves, secretário municipal de Saúde uruaçuense, foi perguntado pelo periódico em 9 de junho o que representa Uruaçu ser destaque na cena estadual no quesito vacinação. Resposta: “Respondendo a essa pergunta, tem duas palavrinhas: organização e planejamento. Uruaçu, graças a Deus, tem uma equipe técnica de imunização bastante consolidada, que tem muita experiência há anos em vacinação e com PNI [Programa Nacional de Imunizações] e, consegue, então, fazer uma programação organizada dessa imunização. Nós confrontamos os dados do DATASUS [Departamento de informática do Sistema Único de Saúde do Brasil], que tem a estimativa de população por faixa etária e também por grupo e, cruzamos essas informações com as doses recebidas. Não hesitamos em abrir dias de vacinação e avançar em idades, de modo que a gente tenta sempre imunizar o maior número de pessoas com as doses que recebemos, de acordo com o PNI”.

Questionado sobre a relevância de todas as pessoas tomarem a segunda dose, Josimar Nogueira enfatizou: “É muito importante a imunização com as duas doses, o indivíduo só estará protegido após 15, 14 dias, dependendo da vacina com as duas doses aplicadas. Todas as pessoas que tomaram a primeira dose, de acordo com o aprazamento do cartão SUS, deve tomar a segunda dose e, só assim ele pode se considerar um indivíduo protegido. Então, pessoal, vamos tomar a segunda dose, verifique o cartão do SUS, qual foi a data do aprazamento e procura o ponto de vacinação para que seja feita a segunda dose. Lembrando, que Uruaçu está à frente do Estado, com mais de 30% de imunização com a primeira dose e aproximadamente 15% da população já tomou a segunda dose. O que é importante é ser imunizado completamente e para ser imunizado completamente são necessárias as duas doses da vacina”.

Aumentando toda essa visibilidade positiva, Uruaçu atingiu a realidade de poder estar apta em 16 de junho (segundo agenda anunciada) a vacinação para pessoas com 44 anos em geral, algo que deixa evidente: dentro de junho, quem tiver menos 40 anos poderá vacinar.

 

Ciência saudada, equipe 1.000 e recorde de vacinação

Do secretário, na data 19 de janeiro de 2021:

Dia de saudar a ciência.

Uma honra ver de perto a chegada da vacina em Uruaçu! Passa um filme na cabeça. Meses de angústia, aflição, incertezas e muito trabalho.

Desejo que essa vacina seja multiplicada por milhões, para todos se vacinarem. Enquanto isso, seguimos aqui trabalhando e organizando o cronograma municipal.

Agradecimento especial ao Instituto Butantan, aos demais laboratórios e cientistas que se dedicaram nas pesquisas e desenvolvimento dos imunobiológicos.

VIVA O SUS, que tem o maior e melhor Programa Nacional de Imunização!.

Meses depois, do mesmo auxiliar de Valmir:

Vacina é nossa prevenção real e eficiente. Equipe nota 1.000.

Organização e planejamento, duas palavrinhas que resumem o sucesso da vacinação contra a Covid-19 em Uruaçu.

Parabéns Priscilla Martins pelo excelente trabalho à frente da Vigilância Epidemiológica e Coordenação da vacinação. Parabéns Ana Paula Santos Mendes, Raphayane Souza, Adrielly Melo Analu Cabral e toda equipe de vacinação, esse sucesso é em virtude da dedicação de todos vocês.

Obrigado prefeito Valmir pelo irrestrito apoio de sempre!.

Dia 5 de junho, foram imunizadas setecentas pessoas, com Valmir Pedro escrevendo: ‘Graças ao empenho e ao trabalho sério de nossos profissionais de saúde, Uruaçu bateu hoje seu recorde de vacinação. Em breve, estaremos todos vacinados.’.

Um dos motivos de Uruaçu estar voando no calendário da vacina: o pensamento e as atitudes positivas de Valmir Pedro. Enquanto alguns prefeitos patinaram/patinam nas ações, seja por negacionismo ou incompetência, Valmir já chamava atenção para o fato da importância da vacina em geral, de todos os laboratórios.

Determinado, visitou a sede do Butantan em 14 de dezembro, se reunindo com a direção e, apresentando o propósito de conhecer protocolos, a produção e tratar da aquisição da vacina Coronavac, desenvolvida pela chinesa Sinovac. Ele esclareceu na época: ‘Caso o governo federal faça a compra da Coronavac ou outra vacina com a mesma eficiência e distribua para os Municípios, nós estaremos acompanhando o plano nacional de imunização do Ministério da Saúde’.

Sem abrir mão de defender o de melhor para a saúde da população de Uruaçu, ele trabalhou, trabalha bem para alcançar esse êxito. Em um País continental e atrasado no segmento da vacina contra o novo coronavírus (devido a falta de vontade, incapacidade administrativa de alguns), Uruaçu se destaca e tomara que o máximo da população possa estar vacinada o quanto antes.

 

40% vacinados

Valmir Pedro, comentando o alcance da marca dos 40% vacinados, na primeira semana de junho:

‘É com imensa alegria e prazer, que tenho o orgulho de anunciar que, graças ao empenho dos profissionais da Secretaria Municipal de Saúde, nossa cidade foi uma das primeiras no Brasil a ultrapassar a marca de 30% da população vacinada contra a Covid-19.

Vamos continuar acelerando o ritmo de nosso trabalho e em breve chegaremos ao patamar de 100% da população adulta de nossa querida Uruaçu imunizada.

40% da população de Uruaçu já vacinada com a 1ª dose.

Seguimos firmes no combate à Covid-19 e nosso Plano Estratégico de Vacinação é exemplo para Goiás e para o Brasil.

Hoje chegamos à marca de 40% de nossa população vacinada.

Vacina salva!

Uruaçu se tornou uma das primeiras cidades brasileiras que alcançou a marca de 22% da população vacinada…’.

 

Vacinar, vacinar, vacinar!

Casal e editores do JORNAL CIDADE, Márcia Cristina e Jota Marcelo receberam a primeira dose contra a Covid-19, dia 10 de junho. Observação de ambos: com atendimento perfeito da equipe da Saúde Pública uruaçuense, comandada pelo secretário Josimar Nogueira.

Na mesma data, o prefeito Valmir vacinou:

Hoje chegou a minha vez de receber a vacina contra a COVID -19.

Não fiz uso do cargo de prefeito para cortar fila, esperei minha faixa etária e hoje entrei na fila como todo cidadão.

Com respeito ao próximo e proteção à vida, vou continuar governando.

Vacina sim!.

E:

Com muita alegria e orgulho, enfrentei a fila da vacinação para garantir minha primeira dose.

[…] Profissionais de saúde estão empenhadas em vencer essa batalha o mais breve possível e eu conto com vocês para que venham também, cada um de acordo com o calendário específico, para que consigamos vacinar 100% de nossa população adulta.

Uruaçu já é exemplo para Goiás e para o Brasil e a população uruaçuense estará imunizada o quanto antes, porque só a vacina pode salvar vidas..

Chiquinho (PSL), presidente da Câmara Municipal de Uruaçu, vacinou em 3 de junho e gravou vídeo, agradecendo, enaltecendo a ciência, o SUS e os profissionais. Graças a Deus, tomei a primeira dose da vacina. Parabéns secretário Josimar Nogueira e toda equipe da vacinação, fazendo a diferença, cuidando do povo. 03/06/2021… Salve o SUS, parabéns a toda ciência!.

Vitimado pela Covid-19 recentemente, da mesma forma que os vereadores Paulo Cantor (PSD) e Célia Bueno (PSL) – além do pai dele, Chiquinho –, o legislador esclarece desde o início da pandemia que a Casa de Leis está totalmente ao lado da população e que tudo que for benéfico para a comunidade, o órgão está unido para, em bloco, apoiar as iniciativas.

 

Ministério da Saúde

Em informações do MS, vacinação e assistência à saúde são os pilares do enfrentamento à Covid-19 realizado no Ministério da Saúde. Esses foram alguns pontos que o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, destacou em entrevista ao programa Agora com Lacombe, da RedeTV, dia 10 de junho, quando defendeu a campanha de vacinação contra a Covid-19 realizada no País.

“Nós já distribuímos mais de 100 milhões de doses para todo o Brasil. Nós temos uma população que tem tomado a aplicação da primeira e segunda doses crescente. Temos a certeza de que, até o fim do ano, vamos imunizar toda a população brasileira acima de 18 anos. Então, são mais de 160 milhões de brasileiros a serem vacinados”, afirmou o titular da Saúde.

Queiroga destacou que o presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) tem tido um papel importante no enfrentamento à pandemia ao estimular pesquisas em diversas áreas, como nos tratamentos de doenças e na transferência de tecnologias. “Na semana passada, assinamos um acordo para transferência de tecnologias da AstraZeneca com a Fiocruz. Isso sinaliza o fortalecimento do complexo industrial da saúde”, afirmou.

 

(Jota Marcelo e Márcia Cristina)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!!