Caiado vai implantar 180 pontes em Goiás até 2022

Com o Goiás em Movimento – Eixo Pontes, Governo de Goiás investe recursos do Tesouro Estadual e fecha parcerias para atingir meta. Neste mês, a Goinfra lançou etapa da ação conjunta firmada com Codevasf, que aplicará mais de R$21 milhões na implantação de 54 estruturas viárias no Estado.

Governador Ronaldo Caiado lança programa Goiás em Movimento – Eixo Pontes, na GO-116, sobre o Rio Taperão, em Formosa, região do Entorno do Distrito Federal: até 2022, serão construídas 180 estruturas viárias em todo Estado – Fotos: Lucas Diener/Governo de Goiás

 

“A gente já trouxe muito paciente e tivemos que voltar porque a ponte de madeira estava estragada, o córrego cheio, e a nossa única alternativa para chegar em Crixás era realizar um desvio de mais de 50 quilômetros.” A declaração do Valteci Pereira, motorista de ambulância e usuário assíduo da GO-156, espelha uma dura realidade enfrentada até pouco tempo por moradores do Norte goiano.

Neste ano, o cenário mudou. O Governo de Goiás, por meio da Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra), entregou uma ponte, construída em concreto armado, sobre o rio Imbé, na GO-156, entre Crixás e o Distrito de Auriverde, no Norte. A estrutura tem 30 metros de extensão e foi aberta ao tráfego dia 29 de abril. A obra beneficia moradores e o setor produtivo da região, já que conecta o corredor que liga os Municípios de Rubiataba, Nova América e Crixás.

Dias depois foi a vez da população do Sudoeste goiano ser beneficiada. O governador Ronaldo Caiado (Democratas) colocou fim à espera de 58 anos e inaugurou, em 6 de maio, no Município de Caçu, a ponte sobre o córrego Cachoeirinha, na GO-306, entre o fim do perímetro urbano e o entroncamento com a GO-178. Com oito metros de extensão e construída com vigas pré-moldadas, a estrutura recebeu investimentos estaduais de mais de R$284 mil. Somados a intervenção para elevação de trechos da rodovia e o bueiro no córrego do Macuco, as benfeitorias somarão R$1 milhão.

“Governar é ter atenção com o ser humano, é ter os olhos voltados para as pessoas que precisam da ação do poder público. Vamos inaugurar estruturas no interior para dar dignidade às pessoas”, ressalta o governador. “Muitos não sabem a importância humanitária que essa obra tem na qualidade de vida dos moradores da região do Sapé”, complementa.

“Uma das coisas que mais me emociona neste cargo é fazer a Goinfra chegar em lugares onde antes não se chegava”, avalia o presidente da Agência, Pedro Sales. “Ao andar pelo Estado, temos escutado prefeitos e lideranças municipais dizerem ‘que há 20, 30 anos não era visto nada parecido. Vocês estão revolucionando as rodovias do Estado, em locais onde só tinha gente esquecida’. Isso nos alegra e nos desafia.”

As duas entregas, resultantes de investimentos do Tesouro Estadual, fazem parte do Goiás em Movimento-Eixo Pontes, cuja meta é implantar ou substituir 180 destas estruturas viárias em todo o Estado até 2022. Além da infraestrutura implantada com recursos próprios, o Governo de Goiás fecha parcerias para acelerar as construções.

Neste mês, o governador lançou, em Formosa, região do Entorno do Distrito Federal, a etapa do Goiás em Movimento-Eixo Pontes promovida em parceria com a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), por meio da Goinfra. Nessa fase, serão construídas 54 pontes em 13 Municípios goianos, com aporte federal de R$21,8 milhões.

 

Compromisso

“Nosso compromisso é levar qualidade de vida a todos os goianos. Vamos fazer com que em cada canto de Goiás tenha a mão do Governo. Todas as pontes que vamos construir suportam o peso de caminhões de nove eixos”, afirma o governador.

O lançamento do programa ocorreu no dia 3 de maio, às margens do córrego Taperão, na GO-116, em Formosa, onde está sendo construída a primeira ponte do projeto. O Município também será beneficiado com outras 12 estruturas, todas na mesma rodovia, sobre 13 cursos d’água.

A construção, em parceria com a Codevasf, empresa pública ligada ao Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), contemplará Municípios nas regiões Nordeste, Norte, Centro e Sudoeste do Estado. Os 13 Municípios foram escolhidas por meio de um levantamento da Diretoria de Manutenção da Goinfra, que apontou locais de vias não pavimentadas com dificuldades de tráfego de pessoas e escoamento da produção do setor agropecuário. “Elas terão um tráfego garantido no tempo das chuvas e do sol. A criança vai para a escola. Os produtores vão escoar a produção”, projeta Caiado.

Nesta primeira etapa, serão contemplados ainda os Municípios de São João D’Aliança (GO-116), Bonópolis (GO-353), Porangatu (GO-353), Alto Paraíso de Goiás (GO-239), Morro Agudo de Goiás (GO-482), Itapuranga (GO-482), Silvânia (Gos-139 e 147), Palestina de Goiás (GO-471), Doverlândia (GOs-465 e 541), Caiapônia (GO-465), Jataí (GO-467 e GO-180) e Serranópolis (GO-306).

As pontes modulares têm extensões que variam de seis a 24 metros de comprimento por 4,5 metros de largura. Todas estruturas serão mistas, executadas em concreto e aço, e serão implantadas de acordo com a necessidade local.

 

Recursos próprios

Além da parceria com a Codevasf, o Governo de Goiás prevê a construção de mais de 100 novas pontes com recursos do Tesouro Estadual. O primeiro pacote, com 50 novas estruturas, será licitado pela Goinfra em breve. Atualmente, mais de 20 pontes já estão em execução pela Goinfra e outras seis já foram entregues pela atual gestão – nas Gos-154, 442, 080, 114, 156 e 306, em benefício de moradores de Nova Glória, Distrito de Colinaçu (Campinorte), Campinaçu, Crixás, Distrito de Auriverde (Crixás) e Caçu.

A Goinfra também irá construir pontes com apoio do setor produtivo, em parcerias com a Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), o Instituto Fortalecimento da Agropecuária em Goiás (Ifag) e o Fundo para Desenvolvimento da Pecuária em Goiás (Fundepec). Ainda estão previstas parcerias com Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e a Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa).

 

(Informações: Secretaria de Comunicação e Goinfra – Governo de Goiás)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!!