Agehab participa do Goiás Social com novas entregas de cartões do Aluguel Social. Dessa vez, em Uruaçu

No evento serão entregues benefícios para a população de Uruaçu e Agehab participa convocando famílias para receber 350 cartões do Programa Pra Ter Onde Morar – Aluguel Social.

Famílias beneficiadas pelo programa Aluguel Social – Fotos, inclusive a da página principal: Octacílio Queiroz/Governo de Goiás

 

 

 

O Governo de Goiás leva diversos benefícios para a população de Uruaçu, na segunda 9 de maio, entre eles o Programa Pra Ter Onde Morar – Aluguel Social, por meio da Agência Goiana de Habitação (Agehab). Os atendimentos do Programa Goiás Social, do qual o Aluguel Social faz parte, serão realizados na sede do Parque de Exposições Durval Ponce Leones, entre 9h e 17h. Para os interessados em entregas futuras, as inscrições continuam abertas em Uruaçu pelo site www.agehag.go.gov.br. A diretora de Desenvolvimento Institucional e Cooperação Técnica da Agehab, Priscilla Tejota, representará o presidente da Agehab, Pedro Sales, no ato.

Pedro Sales destaca a importância de ações como os mutirões e as entregas do Goiás Social, que aproximam os benefícios da gestão estadual de quem mais precisa. “É importante estudar as áreas mais importantes para a população e pensar programas que resolvam esses problemas. Além disso, temos que fazer o benefício chegar nas pessoas. As ações do Goiás Social são essenciais porque auxiliam nessa entrega. É uma mobilização enorme para que programas como o Aluguel Social estejam nas mãos das mães e pais que necessitam de suporte nesse momento.”

 

Em 49 Municípios

Atualmente, o Aluguel Social atende 49 Municípios goianos, em diferentes fases de execução. Em Uruaçu, já foram divulgadas duas listas de convocados para entregarem a documentação comprobatória da situação informada durante a inscrição. Com a análise dos documentos, os beneficiários são convocados para a entrega dos cartões e assinatura dos contratos. No evento, as famílias recebem todas as orientações para acessarem o recurso. O Aluguel Social concede auxílio de R$350, pelo período de 18 meses e, opera com recursos do Fundo de Proteção Social do Estado de Goiás (Protege), coordenado pelo Gabinete de Políticas Sociais (GPS) da Governadoria, dentro do leque Goiás Social.

Além dos inscritos que foram selecionados e convocados a entregarem a documentação, há também as listas dos inelegíveis no Portal da Agência. Inelegíveis são aqueles inscritos que por algum motivo não se encaixam nos critérios básicos do programa, como possuir inscrição no CadÚnico, estar em situação de vulnerabilidade social e superendividamento, não possuir imóvel próprio e residir há pelo menos três anos no Município.

 

(Informações, sob adaptações: Ascom/Agehab)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!!