São Luiz do Norte: prefeito Elieudes na defesa de construção de ponte no rio das Almas

São Luiz do Norte tem um desafio grande que é enfrentado de frente: a construção da tão sonhada ponte no rio das Almas, como parte da rodovia GO-338, na zona rural. Outubro de 2022 fica marcado como o mês em que o prefeito Elieudes Moraes (União Brasil) fez a entrega oficial ao Governo de Goiás do projeto da obra.

Na sede da Goinfra, o prefeito Elieudes Moraes (4º esq.) se fez acompanhado de corpos técnico, administrativo, político e institucional – Fotos, inclusive a da home: Comunicação/Prefeitura

 

Apoio em favor da construção da ponte sob o rio das Almas é grande. Obra prevista para ter início no ano 2023

 

Prefeito de São Luiz do Norte, Elieudes Moraes e, comitiva, na reunião que permitiu a entrega oficial do projeto da obra da ponte ao presidente da Goinfra, Pedro Sales (de costa)

 

Rio das Almas, GO-338: São Luiz do Norte à Goianésia e via de ligação com opções variadas, antes e após essas cidades

 

Travessia em balsa: há décadas atendendo usuários. Mudança, para ponte, é desejo de todos

 

Ponte no rio das Almas: a solução definitiva que beneficia milhares de pessoas, direta e indiretamente

 

Com a ponte, Governo de Goiás e Municípios beneficiarão importantes destinos regionais, estaduais e, até nacionais

 

Transporte aquaviário segue normas e orientações municipais, estaduais e federais – Foto: Comunicação Social do MP-GO

 

Embarcação x ponte: acontecimento histórico no rio das Almas, no Município de São Luiz do Norte – Foto: mapio.net

 

Outra missão na capital: prefeito Elieudes Moraes e acompanhantes em nova jornada na sede da Codego, viabilizando mais empreendimentos para o Distrito Industrial

 

A entrega aconteceu dia 19 de outubro, na sede da Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra), diante do presidente Pedro Sales. Despesa com a execução do projeto foi contratado pela Prefeitura de São Luiz do Norte, em parceria com empresários e, doado à Goinfra.

Conforme é de conhecimento público, o trajeto ao longo do rio é feito pela balsa de nome Júlia, cujo registro da Agência (responsável no Estado pela manutenção e operação de dez balsas localizadas em rodovias não pavimentadas, na travessia de cargas e passageiros, em locais onde não existem pontes), é denominado GO-338 – Rio das Almas-Entroncamento BR-153. A não utilização da balsa hoje resulta em desvio de cerca de 130 quilômetros, envolvendo chegada à outra margem do rio.

De imediato, o projeto ganhou tramitação e, no fechamento da reportagem (24 de outubro), se encontrava em análise por parte de técnicos da Goinfra, para que no início do próximo ano possa ser licitado e dado início à execução do empreendimento.

Estrutura desejada há décadas, a ponte está projetada para ser erguida em trecho do rio, um dos maiores de Goiás, situado entre a zona urbana da cidade do Vale do São Patrício e o Povoado de Lavrinha, elo vital com terras do Município de Goianésia.

Entre os utilitários da via pública, com tal contemplação estruturante direta, moradores camponeses; alunos são luizenses; produtores rurais de todas as faixas potenciais de distintos Municípios; feirantes; outros comerciantes; trabalhadores em segmentos do agronegócio; profissionais públicos; transeuntes em geral.

Benefício direto para a população de diferentes Povoados/Distritos próximos – Lavrinha, Juscelândia, Cafelândia, Limoeiro. Igualmente, para quem habita no Município de Santa Rita do Novo Destino. Logo após o rio, a rodovia se encontra com a GO-481, em ligação integral com o Povoado santarritense de Verdelândia, já na GO-438.

Com a novidade implantada, indiretamente a aguardada ponte proporcionará condições de tráfego bem melhores para uma gama de pessoas que viajarem por tal trecho.

 

Extensão

No perímetro de 29 quilômetros entre São Luiz do Norte e Goianésia, a rodovia GO-338 não é pavimentada. Nessa parte, ela se inicia na BR-153, em frente a um ponto comercial de combustíveis, chegando a bairros de Goianésia e, terminando no encontro com a avenida Contorno (imediações com a avenida Goiás, que tem ligação com a rodovia GO-438).

Antecedendo São Luiz do Norte, a estrada integra a parte ligada aos Municípios de Hidrolina e, Santa Terezinha de Goiás (no Distrito de Luzelândia, onde se emenda com a GO-154), com usuários passando em parte da zona urbana e atravessando a BR-153.

No percurso pós Goianésia (incluindo pedaço de junção com a rodovia GO-080), se estende ao longo de diferentes redutos: Povoados de Goianópolis e Placas (Pirenópolis), cruza a rodovia BR-070, chegando na área urbana de Pirenópolis nas proximidades do Aeroporto Municipal e da sede da Villaê Pousada. Dali, passa por outros pontos pirenopolinos e dá-lhe estrada, atravessando a BR-414, no Povoado de Planalmira (Município de Abadiânia), até finalmente adentrar a zona urbana abadianense.

Soma de forças

Acompanharam Elieudes Moraes na agenda institucional em Goiânia: o deputado estadual Bruno Peixoto (União Brasil); presidente da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Goiás (Codego), Fião de Castro; diretor técnico da Codego, Fabiano Lopes de Mendonça; os vereadores Alex Sandro, Ailton Alves, Carlos Roberto, Júlio César, Magno Fernandes, Valdivino Bala e o presidente da Câmara Municipal, Edimar Silvério.

Também presente, Antônio Carlos da Costa, presidente do Sindicato dos Condomínios e Imobiliárias do Estado de Goiás (SecoviGoiás), representante dos empresários que contribuíram no projeto, além de ser um dos principais articuladores.

 

Investimentos

Em diferentes anos, a Administração estadual Ronaldo Caiado (União Brasil) investiu na GO-338 (exemplos: terraplenagem, pavimentação asfáltica e construção de obras de arte especiais, trecho Goianésia-Juscelândia. Entre Hidrolina e Luzelândia, construção de duas pontes, com 12 metros de extensão, contendo vigas pré-moldadas de concreto). “Vou repetir o que o governador Ronaldo Caiado sempre fala. Estamos devolvendo Goiás aos goianos. Falo isto porque o início destas obras faz parte do contexto em devolver esta infraestrutura para o povo desta região”, comentou Sales, durante uma das estadas na via pública.

Os Municípios também investem e, logo no início de sua gestão, Elieudes debruçou, juntamente com outras lideranças, em obras de recuperação da rodovia (parte São Luiz do Norte-Hidrolina); revestimento primário e levantamento de greide. Disse ele, em uma ocasião: “Muito em breve a estrada estará em ótimas condições, melhorando o tráfego para todos os usuários”, com atenção permanente para a causa, face se tratar de investimentos sequenciais. Elieudes, destacadamente, valoriza e investe na zona rural.

Passam os anos e a municipalidade de Goianésia também lida com investimentos na GO-338.

Representantes legislativos de São Luiz do Norte na Assembleia Legislativa de Goiás e na Câmara Federal, Bruno Peixoto e o congressista José Nelto (PP) estão, da mesma forma, empenhados em ajudar na causa.

 

Distrito Industrial

Em outra frente de busca de conquistas para a localidade, dia 26 de outubro Elieudes Moraes se reuniu com o presidente da Codego, Fião de Castro, mais o diretor Fabiano Lopes, tratando sobre a implantação de mais e mais indústrias e empresas na sede do novíssimo Parque Industrial (também chamado de Distrito Agroindustrial).

Uma iniciativa que proporciona desenvolvimento econômico, oportunidade de emprego e renda para a população.

Eryc Martins, secretário municipal de Relações Institucionais, Desenvolvimento Econômico e Turismo; e, o vereador César do Sindicato acompanharam o prefeito de São Luiz do Norte.

 

(Jota Marcelo. Com atualizações)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!!