Saneago amplia em 50% capacidade de tratamento de água na cidade de Uruaçu

Unidade, a ser inaugurada pelo governador de Goiás, Ronaldo Caiado (UB), dia 1º de julho, foi construída com o que há de mais moderno no tratamento de água.

Acompanhando o crescimento populacional, capacidade de tratamento no Município nortense foi ampliada em 50%, com investimento de R$3,6 milhões – Foto, inclusive a da home: Comunicação/Saneago

 

 

A Estação de Tratamento de Água Compacta de Uruaçu será inaugurada em 1º de julho, às 14h45. A ETA Compacta já está em plena operação, produzindo até 150 litros de água tratada por segundo. Com isso, a capacidade de tratamento no Município foi ampliada em 50%. O investimento na obra foi de R$3,6 milhões.

A unidade foi construída com o que há de mais moderno no tratamento de água, fazendo com que a população uruaçuense tenha um grande salto em termos de qualidade e de regularidade no abastecimento, além de acompanhar o crescimento populacional. Nessa tecnologia de tratamento, que possui ciclo completo, a água bruta passa pelos processos de coagulação, floculação, decantação, filtração, desinfecção e fluoretação.

A entrada da nova unidade em operação possibilitou a desativação do sistema anterior, de filtração e desinfecção, que atendia o Município com 100 litros por segundo. A ETA de Dupla Filtração, existente até então, utilizava um sistema no qual a água bruta circulava por filtros, que retinham as impurezas. Por isso, o funcionamento da Estação antiga sofria intermitências em períodos chuvosos, quando ocorria aumento considerável da turbidez da água de bruta.

Com 100% da população atendida com água tratada, o sistema já é universalizado em Uruaçu, atendendo cerca de 40 mil pessoas.

 

Esgoto

E o esgotamento sanitário não fica atrás. Em Uruaçu, 72% da população é atendida com coleta e tratamento de esgoto. Estes índices são melhores que a média nacional, de 84,1% e 54,9%, respectivamente.

Tudo isso demonstra que o Governo de Goiás e a Saneago investem na qualidade de vida dos goianos, em Saúde Pública e na preservação ambiental.

 

(Informações [Com Redação do JORNAL CIDADE]: Comunicação/Saneago)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!!