Balanço 2021/Prefeitura de Goiânia: o cuidado com as pessoas, com a cidade e com o meio ambiente

Prefeitura de Goiânia – Balanço da gestão 2021.

Administração Rogério Cruz. Com qualidade de vida. Cidade humana, inteligente e moderna – Fotos: Jackson Rodrigues, Fernando Leite e Jucimar de Sousa/Prefeitura

 

Com Renda Família, IPTU Social, investimentos em saúde e maior Refis da história entre outras ações a Prefeitura de Goiânia buscou amparar famílias goianienses em 2021

No primeiro ano da gestão Rogério Cruz, o primeiro prefeito negro da capital mais amada do Brasil deu início ao trabalho para tornar Goiânia um lugar de desenvolvimento, acolhimento e oportunidades para todos.

Com qualidade de vida. Cidade humana, inteligente e moderna.

Apaixonado por Goiânia, Rogério Cruz imprimiu logo no início da administração seu estilo de gestor que se preocupa com as pessoas ao mesmo tempo em que faz a máquina avançar. Um ano de trabalho que já alcançou resultados em todas as áreas.

No dia 15 de janeiro de 2021, Rogério emocionou-se ao tomar posse como prefeito, substituindo Maguito Vilela (MDB), que morreu em decorrência de complicações de Covid-19. Ele prometeu cuidar dos goianienses e colocou em prática as principais propostas do Plano de Governo, como o Renda Família e o IPTU Social, entre outros.

O Renda Família Municipal foi criado para pessoas em situação de vulnerabilidade e injetou mais de R$24 milhões no comércio de bairro. O Renda Família + Mulher, destinado o a mulheres chefes de família em situação de extrema pobreza e vulnerabilidade, injetou outros R$7 milhões com cerca de 6 mil beneficiárias já contempladas neste mês de dezembro. Com o IPTU Social, 13.197 famílias foram beneficiadas, em 2021, com a isenção do IPTU.

“Quando falamos que a gestão cuida das pessoas queremos que o zelo com o cidadão se torne a nossa marca aqui”, aposta o prefeito.

Financeiramente, a Prefeitura de Goiânia conseguiu organizar o maior Refis da história em 2021, oferecendo negociações em condições nunca antes oferecidas aos contribuintes. Na primeira etapa, de 5/77 a 2/9, arrecadou R$289 milhões. Já na segunda fase, realizada de 8/11 a 12/1, mais R$74 milhões foram arrecadados.

A Procuradoria-Geral de Goiânia, por meio da execução fiscal, devolveu aos cofres públicos, em 2021, o valor de R$67 milhões. O valor é o maior já recuperado nos últimos seis anos e representa 50% a mais do que o ano de 2020.

Na área de regularização fundiária, além de criar uma secretaria específica para priorizar o tema, a Prefeitura conseguiu entregar duas mil escrituras para garantir segurança e tranquilidade para as famílias em suas casas.

Outro grande momento foi a aprovação do Novo Código Tributário do Município. Depois de 46 anos, Goiânia ganhou um CTM que visa promover a justiça tributária na capital e contempla a geração de renda e emprego, a atração de empresas e indústrias, o estímulo à tecnologia e a captação de investimentos.

Além de manter benefícios, como IPTU e ISTI Sociais, o texto viabiliza a redução do IPTU para mais de 51% dos imóveis residenciais de Goiânia, a aquisição do primeiro imóvel, a revitalização do centro da capital. Em dezembro, a Prefeitura lançou o simulador do IPTU para facilitar o cálculo dos contribuintes.

 

Vacinação contra a Covid-19

Em 2021, com o avanço da vacinação contra a Covid-19 e das políticas de controle da pandemia, a Prefeitura de Goiânia conseguiu minimizar o sofrimento do goianiense, salvando vidas e permitindo o início da retomada econômica. Até agosto de 2021, tinha aplicado 19,46% de recursos próprios em Saúde. O índice foi acima dos 15% previstos.

A pandemia de Covid-19 mostrou o quanto é importante ter um sistema de saúde preparado e acessível a todos os usuários do SUS. Para garantir avanços na qualidade do atendimento, a gestão trabalha prioritariamente na melhoria da estrutura física da rede, na entrega de novas unidades de saúde, além da ampliação de estrutura.

Até 21 de dezembro deste ano, foram aplicadas 2.239.410 de doses de vacina contra a Covid. Sendo primeira dose: 1.118.932, equivalente a 86,12% da população acima de 12 anos; e segunda dose e dose única: 954.834, referentes a 73,49% da população acima de 12 anos. No reforço ou terceira dose, foram aplicadas mais de 160 mil doses. A criação do projeto VacinAção, com vans que percorrem as regiões da cidade, e a antecipação da dose de reforço em quatro meses ampliaram as ações para deter o avanço da pandemia em Goiânia.

Testes foram realizados para permitir a retomada segura do comércio, dos bares e restaurantes, das aulas, de eventos, shows e torcidas nos estádios de futebol. Com dados epidemiológicos sob controle, foi possível retomar inclusive a Feira Hippie às sextas, aos sábados e domingos.

Na Educação, foram criadas mais de duas mil novas vagas para crianças e a tecnologia chegou de vez às escolas com a distribuição de kits tecnológicos para as aulas, a criação do laboratório maker para o ensino de robótica e do programa Conecta Educação, que implanta reconhecimento facial de alunos e servidores em todas as unidades de ensino municipais da capital.

Na área administrativa, um decreto de novembro iniciou o processo de implementação do Sistema Eletrônico de Informações (SEI) como a plataforma oficial de gestão dos processos e documentos municipais que configura estratégia de inovação na gestão pública, uma vez que proporciona transparência administrativa, economia e acaba com o uso do papel no Município.

Um raio-x para entender melhor a mobilidade de nossa cidade. Para criar o Plano de Mobilidade de Goiânia – PlanmobGyn, a Prefeitura de Goiânia lançou a pesquisa “Por onde você anda?” que está coletando dados da atual situação da mobilidade urbana de Goiânia. Num segundo momento será realizada a fase de prognóstico do Plano, ou seja, serão pensadas e propostas ações para promover correções e melhorias na mobilidade.

 

Obras aceleradas

Certo de que uma cidade só avança se uma gestão seguir com os projetos já iniciados, Rogério Cruz acelerou as obras da administração anterior e conduziu a entrega de serviços buscando inovar em projetos importantes para a cidade.

A reconstrução asfáltica avançou e já atingiu mais 5 milhões e 500 mil metros quadrados de asfalto novo, cerca de 74% do programa de 630 quilômetros foram concluídos. Serão 111 bairros atingidos com a reconstrução asfáltica.

Até novembro foi feita a restauração asfáltica em 266 ruas de 46 bairros de Goiânia. O viaduto da Moda foi entregue beneficiando uma área importante comercialmente para Goiânia, a região da 44.

Seguem em ritmo acelerado as obras da praça do Trabalhador, viaduto da Enel, entre outras.

No meio ambiente, dando largada ao Arborizagyn, projeto que visa transformar Goiânia na cidade mais verde do mundo, mais de 56 mil mudas foram plantadas em três parques da cidade em meia hora, totalizando mais de 100 mil mudas de árvores em 2021. A criação do disque-árvore permitiu que as pessoas colaborassem com o aumento da arborização na cidade. Investimentos em ecopontos garantiram ampliação do reaproveitamento de resíduos e apoio à cadeia de reciclagem.

Esse ano, a Prefeitura de Goiânia também revitalizou e fez manutenção de 269 praças em toda a capital.

 

Área social

Na área social, a primeira-dama Thelma Cruz abraçou a gestão e de forma voluntária, assumindo a Horta Municipal, com o plantio de mais de 40 mil mudas e colheita de 12 mil quilos de folhagens destinadas ao Banco de Alimentos Municipal, e organizando doações de hortaliças e cestas básicas para famílias carentes, CMEIS, CRAS, escolas e hospitais.

Thelma acompanhou de perto as ações de várias Pastas, como da Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres. Por iniciativa dela, a Prefeitura criou o programa O Pão Nosso para doação de pães a famílias carentes de Goiânia. Também foi ideia dela criar o Goiânia Sempre Rosa, projeto que virou programa de Governo e que não se limita ao Outubro Rosa no combate e prevenção ao câncer de mama na capital.

Pela primeira vez, o Natal Goiânia com Solidariedade levou esperança e alegria com a distribuição de 50 mil brinquedos para crianças de vários bairros. A Iluminação Natalina foi democraticamente instalada em mais de 20 pontos em todas as regiões de Goiânia. O Mutirama, por exemplo, passou a funcionar de noite no período das festas para oferecer momentos diversão e lazer para os goianienses.

O prefeito Rogério Cruz ainda priorizou diversas outras áreas, como a Cultura, com retomada segura e lei de incentivo à categoria; Direitos Humanos com apoio à diversidade e inclusão; o Esporte, por meio da criação de Pasta exclusiva depois de sete anos; ações no Turismo e ainda na Segurança e Defesa Civil, com aparelhamento das áreas.

 

Confira mais detalhes nos links abaixo:

O cuidado com as pessoas

https://www.goiania.go.gov.br/balanco-da-gestao/o-cuidado-com-as-pessoas/

 

O cuidado com a cidade

https://www.goiania.go.gov.br/balanco-da-gestao/o-cuidado-com-a-cidade/

 

O cuidado com o meio ambiente

https://www.goiania.go.gov.br/balanco-da-gestao/o-cuidado-com-meio-ambiente/

 

(Informações: Diretoria de Redação)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!!